Notícias

15 Out
misericordia-de-barcelos-recorda-comendadora-maria-eva-nunes-correa

Misericórdia de Barcelos recorda Comendadora Maria Eva Nunes Corrêa

Realizou-se, esta segunda-feira, uma missa em memória da benemérita Comendadora Maria Eva Nunes Corrêa, por ocasião do 17.º aniversário do seu falecimento. Na cerimónia, foram evidenciados os sentimentos de generosidade, solidariedade, amor e compreensão da Comendadora Maria Eva, que permitiram que a Santa Casa alargasse ainda mais a sua influência e pudesse prestar os seus serviços a mais pessoas. Nascida na freguesia de Silveiros, Maria Eva desde cedo partilhou com os que mais precisavam e, na freguesia de onde é natural, deixou marca em várias associações e instituições. Benemérita também da Santa Casa da Misericórdia de Barcelos, Maria Eva Nunes Correia esteve na origem do Centro Social a que dá nome, obra que acompanhou de perto até ao seu falecimento, a 13 de outubro de 2002. Após a eucaristia, foi depositada uma coroa de flores no monumento de homenagem à comendadora Maria Eva e ao marido, Manuel Nunes Corrêa.  [ALBUM:6]

Ver Mais
11 Out
a-expressao-dramatica-esta-diretamente-interligada-com-a-comunicacao

“A expressão dramática está diretamente interligada com a comunicação”

O Centro de Formação da Santa Casa da Misericórdia de Barcelos, no âmbito do Programa Operacional da Inclusão Social e Emprego (POISE), está a promover uma formação modular gratuita em “Artes Performativas – Oficina de Expressão Dramática”. Pretende-se que, com esta ação, os/as formandos/as conheçam “a expressão dramática e o que isso significa em termos de crescimento pessoal de cada um e também nas aplicações práticas que daí possam advir”. “Depois, tem outra componente que pretendo também deixar aqui que é a manipulação de objetos”, conforme sublinha o formador, Jorge Alonso. “Há pessoas de várias proveniências – do ensino, do atendimento, entre outras –, ou seja, a expressão dramática está diretamente interligada com a comunicação”, nota ainda o formador, que conta com mais de três décadas de ligação ao teatro, também como ator profissional, encenador e ainda na componente de clown. As sessões de formação têm contado com o interesse e motivação de um grupo heterogéneo, mas com “o bichinho do teatro”. “Há uns que têm alguma experiência e que já têm alguns conhecimentos; para outros, é a primeira vez, por curiosidade, mas também para desenvolvimento. E há uma coisa comum, que penso que eles já perceberam: aquilo que está em causa é mesmo o crescimento e desenvolvimento pessoais”, sublinha Jorge Alonso. Carla Cardoso desenvolve atividade profissional como desenhadora gráfica e, a par disso, conta com 20 anos de ligação ao teatro. A barcelense, de 43 anos, participa na formação para atualizar e reciclar conhecimentos: “Faço todas as formações que consigo a nível de teatro, porque estou ligada ao teatro há 20 anos e aproveito para fazer reciclagens. E tudo o que tenha a ver com teatro eu aproveito” “A experiência está a ser fantástica, o grupo é excelente e temos trabalhado muitos jogos, principalmente a base da confiança com o nosso colega, está a ser giro. Não conhecia muitas destas pessoas e está a ser bonito a vivência com cada um”, avalia Carla Cardoso. Também Rosa Viana avalia de forma positiva a participação na ação de formação em “Artes Performativas – Oficina de Expressão Dramática”: “O grupo é heterogéneo e, no dia a dia, nós acabamos por contactar com pessoas completamente diferentes umas das outras, de áreas diferentes e acho que isso também é importante neste tipo de contexto, de trabalho e de formação”. O gosto pela expressão dramática já vem de há alguns anos e a motivação agora é outra: “Quando era mais jovem, fiz algumas coisas relacionadas com teatro. Agora, a motivação tem que ver com a formação profissional, pelo facto de trabalhar, muitas vezes, histórias com os meus alunos e também por mim própria. Para trabalhar, desde logo, a confiança, sinto necessidade, de tempos a tempos, de fazer coisas relacionadas com esta área”. A formação em “Artes Performativas – Oficina de Expressão Dramática” tem uma duração de 25 horas e decorre na Casa da Eira, até ao próximo dia 23 de outubro de 2019.   [ALBUM:4]  

Ver Mais
10 Out
proximas-formacoes-financiadas

Próximas Formações Financiadas

Ver Mais
01 Out
misericordia-em-momentos

Misericórdia em Momentos

Durante o mês de setembro, a área das Pessoas visitou o Santuário de Fátima. A D. Deolinda Leal, utente do Lar da Misericórdia, celebrou 102 anos. A área da Educação na Infância promoveu uma desfolhada tradicional entre idosos e crianças, no Centro Infantil de Barcelos. A iniciativa assinalou o arranque do Projeto Educativo da Instituição, que, para os próximos três anos, tem como tema “Educar para os Valores”. O Centro Comendadora Maria Eva Nunes Corrêa organizou, também, uma desfolhada tradicional. O Centro de Medicina Física e de Reabilitação esteve de portas abertas à população, que, gratuitamente, pôde conhecer e experimentar vários serviços. O Open Day teve como principal objetivo dar a conhecer os vários serviços de que o Centro dispõe (Terapia ocupacional, Terapia da fala, Pressoterapia, Cinesioterapia, Massoterapia, entre outros), bem como tratamentos complementares (Pilates Clínico, Banho Turco, banheira de hidromassagem, entre outros) e outras especialidades médicas (Psicologia, Fisiatria, Nutrição, etc.).   _______________    - Visitas a Fátima -        - Deolinda Leal, utente do Lar da Misericórdia, celebrou 102 anos -        - A área da Educação na Infância promoveu uma desfolhada tradicional entre idosos e crianças, no Centro Infantil de Barcelos -        - O Centro Comendadora Maria Eva Nunes Corrêa organizou, também, uma desfolhada tradicional -         - O Centro de Medicina Física e de Reabilitação esteve de portas abertas à população, que, gratuitamente, pôde conhecer e experimentar vários serviços -   

Ver Mais
27 Set
desfolhada-junta-idosos-e-criancas-no-centro-infantil-de-barcelos

Desfolhada junta idosos e crianças no Centro Infantil de Barcelos

A Santa Casa da Misericórdia de Barcelos promoveu, nesta sexta-feira, dia 27, uma desfolhada tradicional entre idosos e crianças. A iniciativa assinalou o arranque do Projeto Educativo da Instituição, que, para os próximos três anos, tem como tema “Educar para os Valores”. “Temos previstos pequenos projetos nos vários equipamentos e nas várias respostas sociais, tanto na creche como no pré-escolar, com ações que promovam os valores. Valores de cidadania, do respeito, da amizade, da educação ambiental”, explicou Cláudia Faria, coordenadora da valência de Educação na Infância. “Se começarmos desde cedo a sensibilizar para o respeito pelo outro, pelo mais velho, pelo diferente, por todas essas características que nos tornam únicos, teremos os meninos mais capazes e mais responsáveis a nível social”, acrescentou. Além da sensibilização para os valores, o Projeto Educativo quer, também, promover o espírito intergeracional, como explicou Cláudia Faria, coordenadora da valência de Educação na Infância: “Queremos estreitar a relação entre crianças e idosos, uma vez que a Santa Casa tem respostas nestas áreas. Todos os meses, os idosos vão aos equipamentos da Infância conhecer os meninos, através de uma festa ou atividade. Hoje começamos com a desfolhada, mas todos os meses estão previstas atividades em setores diferentes, envolvendo a área das Pessoas Idosas”. A desfolhada intergeracional decorreu no espaço exterior do Centro Infantil de Barcelos e juntou cerca de uma centena de pessoas, com as crianças e os idosos a debulharem o milho e a dançarem ao som de músicas tradicionais. “Gostei muito desta desfolhada, adorei ver os meninos a dançar!”, referiu, no final, Rosa Falcão, utente da instituição.   [ALBUM:3]

Ver Mais
23 Set
estao-abertas-inscricoes-para-as-atividades-extracurriculares

Estão abertas inscrições para as Atividades Extracurriculares

Perto de meio milhar de crianças iniciaram mais um ano letivo nas várias unidades operacionais da Santa Casa da Misericórdia de Barcelos, entre Centro Infantil de Barcelos, Creche As Formiguinhas, Infantário Rainha Santa Isabel e Centro Social Comendadora Maria Eva Nunes Corrêa (Silveiros). Embora sendo opcionais, as Atividades Extracurriculares - à disposição, mediante mensalidade (a consultar nas unidades operacionais) - contribuem para a valorização das crianças e para o desenvolvimento das suas competências. Na Misericórdia de Barcelos, as Atividades Extracurriculares proporcionam momentos de descontração, crescimento e aprendizagem.   MÚSICA A atividade musical possibilita o despertar da visão artística, contribuindo para o desenvolvimento dos aspetos emocionais, expressivos e comunicacionais, elementos particularmente importantes no desenvolvimento da personalidade.   DANÇA CRIATIVA Pretende-se o desenvolvimento gradual da coordenação motora, a postura, a flexibilidade e força, a criatividade, a relação do corpo com o espaço e tempo, a memória, a capacidade de análise, a confiança em si, a expressividade, a musicalidade e o trabalho em grupo.   INGLÊS O objetivo primordial é enriquecer e expandir a aprendizagem do Inglês como segunda língua, baseando-se em três áreas fundamentais: audição, compreensão e oralidade. Pretende-se que, com jogos, canções, desenhos, entre outros, as crianças tenham um primeiro contacto lúdico com a língua inglesa.   ROBÓTICA, PROGRAMAÇÃO E T.I.C. Aprender programação e robótica aumenta a confiança e a autoestima, desenvolve a criatividade e a imaginação, prepara os alunos para superar desafios e resolver problemas. Acima de tudo, é uma atividade que motiva e faz as crianças felizes. Os alunos aprendem fazendo. Realizam projetos concretos, trabalham de forma colaborativa e expõem os projetos assim que os terminam.   PISCINA A natação é reconhecidamente uma das atividades mais completas a nível desportivo. Pretende-se que as crianças tenham a oportunidade de se adaptar ao mundo aquático de uma forma lúdica e natural.   Além das Atividades Extracurriculares, a instituição disponibiliza ainda vários serviços, também mediante mensalidade (a consultar nas unidades operacionais), como Terapia da Fala, Psicologia e Nutrição; transporte para festas de aniversário; e apoio social (gratuito).   Pode obter mais informações sobre a mensalidade e fazer a inscrição em cada unidade operacional.

Ver Mais
1
2
3
4