Notícias

14 Jul
misericordia-de-barcelos-mantem-aposta-na-formacao-de-colaboradores

Misericórdia de Barcelos mantém aposta na formação de colaboradores

No seio das organizações/instituições, investir na formação contínua dos/as colaboradores/as é valorizar o capital humano, procurando que este se torne mais proativo, produtivo e inovador. Em qualquer área de intervenção, é fundamental atualizar conhecimentos e desenvolver competências, considerando que o comprometimento dos/as colaboradores/as contribuirá para melhores serviços prestados. Também a Santa Casa da Misericórdia de Barcelos (SCMB) acredita que, ao proporcionar formação aos/às colaboradores/as, está a investir no desenvolvimento pessoal e profissional, além de cumprir uma obrigatoriedade legal. Mais do que competências técnicas, espera-se também o desenvolvimento de outras competências transversais – como a gestão de conflitos ou de resolução de problemas, comunicação interpessoal, liderança, entre outras –, que se revelam fundamentais para o relacionamento dos/as colaboradores/as com quem os rodeiam. Neste mês de julho, estão a decorrer duas ações de formação - Formas de intervenção precoce em crianças com NEE (25h) e Prevenção e controlo na infeção na prestação de cuidados pessoais e à comunidade (50h) -, envolvendo cerca de 35 colaboradores/as. Recorde-se que o Plano Anual de Formação de Colaboradores 2019-2020 da SCMB prevê cursos/ações de formação, adaptados às especificidades das funções exercidas, nas áreas de: Qualidade; Segurança; Alimentação; Desenvolvimento Pessoal; Saúde/Terapia e Reabilitação; Saúde – Programas não classificados noutra área de formação; Serviço de Apoio a crianças e jovens; Trabalho Social e Orientação; Gestão e Administração; Ciências Informáticas; Línguas e Literaturas Estrangeiras; e Floricultura e Jardinagem.

Ver Mais
06 Fev
projeto-de-formacao-de-profissionais-do-setor-da-saude-foi-aprovado

Projeto de Formação de Profissionais do Setor da Saúde foi aprovado

A Santa Casa da Misericórdia de Barcelos (SCMB) viu recentemente aprovado o Projeto de Formação de Profissionais do Setor da Saúde, no âmbito do Programa Operacional da Inclusão Social e Emprego (POISE), que prevê o desenvolvimento de formação, em diversas áreas formativas, para os/as seus/suas Colaboradores/as. Sendo a saúde uma área que tem sofrido inúmeras e profundas modificações ao longo do tempo, torna-se evidente a necessidade dos prestadores em adaptar os seus processos aos crescentes desafios internos e externos. Neste contexto, o capital humano é fator de diferenciação na qualidade da Saúde em Portugal. São cada vez mais os profissionais que que procuram aprimorar as suas competências, não apenas técnicas, mas também ao nível da capacidade de comunicar e negociar, necessidades invariavelmente presentes na sua rotina na gestão de problemas e conflitos com colegas, chefias e até pacientes. Assim, numa instituição onde a diversidade de colaboradores e utentes é bastante alargada e que prima pela mudança constante, é imprescindível dotar os profissionais de aptidões que lhes permitam comunicar de forma eficiente com os pares, garantindo processos claros, eficientes e transparentes. A SCMB através da implementação deste projeto pretende “potenciar as capacidades e competências dos seus recursos humanos como forma de garantir que o seu ativo mais valioso conhece, entende e cresce com a organização dentro das orientações estabelecidas e priorizadas pelo Plano Nacional de Saúde e pelas Áreas Formativas prioritárias”, explica o Centro de Formação.   Áreas Formativas Prioritárias: Gestão e Comunicação Direito e Enquadramento Jurídico Segurança do doente Reconciliação Terapêutica Acreditação em Saúde Auditoria Clínica   O Projeto de Formação de Profissionais do Setor da Saúde decorrerá ao longo de 24 meses e é desenvolvido pelo Centro de Formação da SCMB em parceria com a Ahptus – Consultoria e Formação, Lda. e a AhOcto - Formação, Lda.   Saiba mais informações aqui.  

Ver Mais
11 Out
a-expressao-dramatica-esta-diretamente-interligada-com-a-comunicacao

“A expressão dramática está diretamente interligada com a comunicação”

O Centro de Formação da Santa Casa da Misericórdia de Barcelos, no âmbito do Programa Operacional da Inclusão Social e Emprego (POISE), está a promover uma formação modular gratuita em “Artes Performativas – Oficina de Expressão Dramática”. Pretende-se que, com esta ação, os/as formandos/as conheçam “a expressão dramática e o que isso significa em termos de crescimento pessoal de cada um e também nas aplicações práticas que daí possam advir”. “Depois, tem outra componente que pretendo também deixar aqui que é a manipulação de objetos”, conforme sublinha o formador, Jorge Alonso. “Há pessoas de várias proveniências – do ensino, do atendimento, entre outras –, ou seja, a expressão dramática está diretamente interligada com a comunicação”, nota ainda o formador, que conta com mais de três décadas de ligação ao teatro, também como ator profissional, encenador e ainda na componente de clown. As sessões de formação têm contado com o interesse e motivação de um grupo heterogéneo, mas com “o bichinho do teatro”. “Há uns que têm alguma experiência e que já têm alguns conhecimentos; para outros, é a primeira vez, por curiosidade, mas também para desenvolvimento. E há uma coisa comum, que penso que eles já perceberam: aquilo que está em causa é mesmo o crescimento e desenvolvimento pessoais”, sublinha Jorge Alonso. Carla Cardoso desenvolve atividade profissional como desenhadora gráfica e, a par disso, conta com 20 anos de ligação ao teatro. A barcelense, de 43 anos, participa na formação para atualizar e reciclar conhecimentos: “Faço todas as formações que consigo a nível de teatro, porque estou ligada ao teatro há 20 anos e aproveito para fazer reciclagens. E tudo o que tenha a ver com teatro eu aproveito” “A experiência está a ser fantástica, o grupo é excelente e temos trabalhado muitos jogos, principalmente a base da confiança com o nosso colega, está a ser giro. Não conhecia muitas destas pessoas e está a ser bonito a vivência com cada um”, avalia Carla Cardoso. Também Rosa Viana avalia de forma positiva a participação na ação de formação em “Artes Performativas – Oficina de Expressão Dramática”: “O grupo é heterogéneo e, no dia a dia, nós acabamos por contactar com pessoas completamente diferentes umas das outras, de áreas diferentes e acho que isso também é importante neste tipo de contexto, de trabalho e de formação”. O gosto pela expressão dramática já vem de há alguns anos e a motivação agora é outra: “Quando era mais jovem, fiz algumas coisas relacionadas com teatro. Agora, a motivação tem que ver com a formação profissional, pelo facto de trabalhar, muitas vezes, histórias com os meus alunos e também por mim própria. Para trabalhar, desde logo, a confiança, sinto necessidade, de tempos a tempos, de fazer coisas relacionadas com esta área”. A formação em “Artes Performativas – Oficina de Expressão Dramática” tem uma duração de 25 horas e decorre na Casa da Eira, até ao próximo dia 23 de outubro de 2019.   [ALBUM:4]  

Ver Mais
26 Jul
do-olhar-a-fotografia-scmb-promove-acao-de-formacao-na-area

Do olhar à fotografia: SCMB promove ação de formação na área

O Centro de Formação da Santa Casa da Misericórdia de Barcelos, no âmbito do Programa Operacional da Inclusão Social e Emprego (POISE), está a promover uma formação modular gratuita em comunicação visual, para todos aqueles que querem aprofundar conhecimentos nesta área. Ao longo de quatro semanas, os/as formandos/as são convidados/as a explorar as várias técnicas da fotografia e vídeo. “O que se pretende é que os alunos, em pouco tempo, tenham os conhecimentos básicos da fotografia, como a luz, o enquadramento e a exposição. O objetivo final do curso é que eles consigam fotografar em modo manual. Quero que aprendam a trabalhar neste modo e que não usem o automático ou os predefinidos da máquina”, explica o formador, Paulo Figueiredo, acrescentando que quer os/as formandos/as “evoluam e trabalhem o olho para serem os melhores fotógrafos possíveis”. “Todos os conhecimentos que tenho passado a nível de fotografia se aplicam ao vídeo, porque a base é a mesma”, concluiu o formador. O grupo, composto por 15 pessoas, recebe formandos/as de diferentes áreas. Fernanda Pereira, de 50 anos, é oficial de registos e veio pelo gosto por aprender. “Aliar a aprendizagem ao prazer de fazer melhor, para mim, é ótimo. Aqui, exploramos a parte de enquadrar as fotografias, de saber lidar com a luz, entre outras coisas”, conta, explicando que vai levar esta aprendizagem para outras atividades: “Sou voluntária numa igreja e uma das coisas que faço é tirar fotografias, quero aprender a captar os momentos, daí ter-me inscrito nesta formação”. Glória Campos, de 53 anos, veio com uma colega de trabalho. “É uma novidade para mim, é tudo novo. Estou a aprender coisas que não estava a contar, que nem fazia ideia que existiam. Espero ficar a conhecer mais sobre esta área e daqui para a frente quero tirar fotografias melhores”, contou a formanda. Também o interesse em fotografar melhor fez com que Catarina Araújo, de 19 anos, se inscrevesse nesta formação. “Sempre tive o gosto por esta área. Eu achava que tinha olho para captar imagens bonitas, mas há técnicas que não fazemos ideia que existem e que melhoram mesmo muito uma fotografia”, contou a formanda, para, logo depois, exemplificar: “O ISO, por exemplo, não fazia ideia que alterava tanto o resultado. Isto ajuda bastante a saber trabalhar com uma máquina fotográfica”. A formação “Comunicação Visual – Fotografia e Vídeo” tem uma duração de 25 horas e decorre na Casa da Eira, para os/as formandos/as explorarem diferentes paisagens. Os/as participantes vão ainda ter a experiência de fotografar e editar num estúdio de fotografia. No final, será realizada uma exposição itinerante nos diferentes equipamentos da Santa Casa da Misericórdia de Barcelos, com as fotografias captadas ao longo da formação.   ÁLBUM DE FOTOS      

Ver Mais
23 Jul
proximas-formacoes-financiadas

Próximas formações financiadas

UFCD 7226 - Prevenção da negligência, abusos e maus-tratos Início: 19/09/2019 Duração: 25 horas   Objetivos:  Identificar os conceitos e princípios fundamentais relacionados com a prevenção da negligência, abuso e maus tratos; Detetar alterações do estado físico, emocional ou psicológico do indivíduo indiciadores de negligência, abuso e maus tratos; Propor medidas preventivas de situações de negligência, abusos ou maus tratos; Efetuar o registo e transmitir ocorrências.      Inscrever-me       3299 - Cozinha  Início: 25/09/2019 Duração: 50 horas   Objetivos:  Identificar a organização e as regras de funcionamento da cozinha;  Identificar os equipamentos e utensílios de cozinha adequados às diferentes técnicas de preparação e confeção dos produtos alimentares; Reconhecer a importância do cumprimento das normas de higiene e segurança.    Inscrever-me     9182 - Enquadramento legal e princípios éticos e deontológicos no exercício da atividade de ama Início: 25/09/2019 Duração: 25 horas   Objetivos:  Identificar os requisitos e as condições para o acesso e exercício da atividade de ama;  Identificar os serviços e respostas sociais e educativas disponíveis para a 1ª infância;  Utilizar os mecanismos de apoio e referenciação previstos na lei de proteção de crianças e jovens em perigo;  Reconhecer os princípios éticos e deontológicos no trabalho com crianças.    Inscrever-me     4271- Oficina de Expressão Dramática  Início: 28/09/2019 Duração: 25 horas   Objetivos: Aplicar as técnicas de construção e manipulação de fantoches, silhuetas e máscaras.  Articular os recursos e a distribuição de papéis e funções em diferentes situações, tendo em conta os objetivos da intervenção.      Inscrever-me     0501 - Projetos de organização de eventos - planeamento e gestão Início: 28/09/2019 Duração: 25 horas   Objetivos: Identificar as etapas do planeamento e gestão de projetos de organização de eventos.  Identificar em cada fase de um projeto e descrever as suas atividades.  Reconhecer um mau planeamento ou má gestão de um projeto.      Inscrever-me

Ver Mais
18 Set
scmb-dinamiza-formacao-modular-aprovada-pelo-portugal-2020

SCMB dinamiza Formação Modular aprovada pelo Portugal 2020

Desta forma, a instituição irá responder a necessidades de qualificação dos ativos, em contextos de mudança organizacional e processos de restruturação. Assim, será ministrada Formação Modular para empregados com qualquer grau de escolaridade e para desempregados com escolaridade igual ou superior ao secundário. Este projeto resulta de um diagnóstico de necessidades formativas elaborado pelo Centro de Formação da SCMB, tendo em conta os défices da população ativa, bem como as necessidades do mercado de trabalho presente e prospetivo, nos diferentes pontos do concelho de Barcelos. Assim sendo, este assenta num desenho que abrange as áreas de educação e formação para o trabalho social e orientação, terceira idade e serviços de apoio a crianças e jovens. A referida Formação é Modular, Certificada e construída com base no Catálogo Nacional de Qualificações. Este projeto tem como objetivo potenciar a empregabilidade da população ativa, designadamente de empregado e desempregados, ou seja, promover a sustentabilidade, a qualidade do emprego e apoiar a mobilidade laboral. Consulte aqui a oferta formativa financiada e inscreva-se!  Para mais informações  contacte: CENTRO DE FORMAÇÃO TELEMÓVEL | 912 749 063 - TELEFONE | 253 802 270 -  E-MAIL | formacao@misericordiabarcelos.pt  

Ver Mais
1
2