Unidade de CC Integrados de Santo António

A Unidade de Cuidados Continuados Integrados de Santo António (UCCI) iniciou a sua actividade em Novembro de 2014. Actualmente dispõe de 40 camas de Longa Duração e Manutenção (ULDM), 10 camas de Média Duração e Reabilitação (UMDR) contratadas com a Rede Nacional de Cuidados Continuados Integrados (RNCCI) e 5 camas de gestão privada.

Unidade de Média Duração e Reabilitação:

A UMDR constitui uma unidade de internamento, articulada com o hospital de agudos, que tem como missão contribuir, numa perspetiva integrada para o processo ativo de recuperação e reabilitação dos seus utentes, prestando cuidados de saúde e de apoio social de qualidade proporcionando internamento por um período de tempo superior a 30 dias e inferior a 90 dias.

Destina-se à prestação de cuidados clínicos, de reabilitação e de apoio psicossocial, por situação clínica decorrente de recuperação de um processo agudo ou descompensação de processo patológico crónico a pessoas com perda transitória de autonomia potencialmente recuperável.

Unidade de Longa Duração e Manutenção:

O objetivo é proporcionar apoio social e cuidados de saúde de manutenção a pessoas com doenças ou processos crónicos, com diferentes níveis de dependência e que não reúnam condições para serem cuidadas ao domicílio, com período de internamento previsto superior a 90 dias.

Os serviços prestados e as atividades desenvolvidas pela Unidade visam garantir o bem-estar, o conforto, a qualidade de vida e a segurança dos utentes, bem como contribuir para a prevenção, estabilização ou retardamento do processo de dependência, criar condições que permitam preservar a sociabilidade e ainda incentivar a relação familiar. Os cuidados a prestar na ULDM destinam-se, essencialmente, à reabilitação, manutenção e apoio social, visando a satisfação das necessidades e expetativas dos utentes, assim como uma relação próxima com a família e o meio social de referência.

A UCCI de Santo António assegura atividades de:

- Manutenção e de estimulação
- Cuidados de Enfermagem permanentes;
- Cuidados Médicos;
- Apoio psicossocial
- Controlo fisiátrico periódico
- Cuidados de fisioterapia
- Terapia ocupacional
- Terapia da Fala

 

Diretor Técnico: Ricardo Vieira


Contactos

MORADA | Quinta da ordem Rua Dr. Santos Júnior 4750-332 Barcelos

TELEFONE | 253 839 110

E-MAIL | geral.ucci@misericordiabarcelos.pt

Notícias

21 Set
21-de-setembro-dia-mundial-da-doenca-de-alzheimer

21 de setembro – Dia Mundial da Doença de Alzheimer

Anualmente, a 21 de setembro, assinala-se o Dia Mundial da Doença de Alzheimer. A Doença de Alzheimer é a forma mais comum de demência, podendo surgir em qualquer pessoa, mas é mais comum a partir dos 65 anos. Caracterizada por um declínio progressivo, a Doença de Alzheimer engloba não só a perda de memória, mas acarreta também a perda de outras funções cognitivas (concentração, linguagem, entre outras), competências sociais e a alteração de reações emocionais normais, que afetam, de forma significativa, o dia a dia das pessoas.   Sintomas Os sintomas da Doença de Alzheimer variam de pessoa para pessoa e consoante as áreas cerebrais afetadas. - Dificuldades de memória persistentes e frequentes, especialmente de acontecimentos recentes; - Apresentar um discurso vago durante as conversações; - Perder entusiasmo na realização de atividades, anteriormente apreciadas; - Demorar mais tempo na realização de atividades de rotina; - Esquecer-se de pessoas ou lugares conhecidos; - Incapacidade para compreender questões e instruções; - Deterioração de competências sociais; - Imprevisibilidade emocional. [Fonte: Associação Alzheimer Portugal]   Os sintomas da Doença de Alzheimer começam, frequentemente, por perdas de memória e dificuldades em nomear objetos do quotidiano. À medida que o tempo passa e as células cerebrais se vão deteriorando e até morrendo, os sintomas agravam-se... Como se, gradualmente, o puzzle se fosse desfazendo.  

Ver Mais
08 Set
dia-mundial-da-fisioterapia-destaca-a-reabilitacao-apos-a-covid-19

Dia Mundial da Fisioterapia destaca a reabilitação após a COVID-19

Comemora-se esta terça-feira, 8 de setembro, o Dia Mundial da Fisioterapia, por iniciativa da associação agora denominada World Physiotherapy. A efeméride é assinalada desde 1996, tendo como objetivo, desde logo, mostrar o papel significativo que a Fisioterapia desempenha na saúde e no bem-estar da população em geral. O tema deste ano é a reabilitação após a COVID-19 e o papel dos fisioterapeutas no tratamento e gestão de pessoas afetadas pela doença. A Santa Casa da Misericórdia de Barcelos recorre ao material informativo da World Physiotherapy para mostrar como a Fisioterapia pode ser importante na reabilitação de pessoas que estiveram gravemente doentes com COVID-19 em contexto hospitalar ou outro.   Se precisar do apoio de um fisioterapeuta, contacte-nos: Centro de Medicina Física e de Reabilitação Rua Dr. Santos Júnior | 4750-332 Barcelos Tel. 253 181 110 E-mail: fisioterapia@misericordiabarcelos.pt    

Ver Mais
21 Set
barcelenses-fizeram-fila-no-open-day-da-misericordia

Barcelenses fizeram fila no Open Day da Misericórdia

Apesar da chuva, foram muitos os barcelenses que aderiram e participaram, este sábado, no dia aberto do Polo da Saúde da Misericórdia de Barcelos. O Centro de Medicina Física e de Reabilitação esteve de portas abertas à população, que, gratuitamente, pôde conhecer e experimentar vários serviços. Das massagens de relaxamento e Vichy, passando pela banheira de hidromassagem ou pelos Banhos Turco e Escocês, pelo Pilates Clínico, foram muitos os barcelenses que puderam experimentar os vários serviços e tratamentos de que o CMFR dispõe. “Importa dar a conhecer o que de bom já se faz num Centro de Medicina Física e de Reabilitação que todos os dias trata e reabilita mais de 600 pessoas em ambulatório, que tem profissionais de toda a região e que são referências nas respetivas áreas de especialização. No desenho deste Open Day, foram tidas em conta algumas áreas em que temos serviços de referência e que importa serem cada vez mais valorizados. Queremos abrir à população, em geral, o que de bom se faz no polo de Saúde da Santa Casa”, sublinhou o Provedor da instituição, Nuno Reis. A manhã foi pensada ao pormenor, procurando “ir ao encontro daquilo que são os anseios da população, começando por dar a conhecer o Centro e falar também sobre temas pertinentes”, referiu, na mesma linha, o coordenador da Valência de Saúde, Ricardo Vieira. “Sabemos que as disfunções do pavimento pélvico afetam grande parte da população – em particular pessoas idosas e pessoas que tiveram problemas sobretudo neurológicos – e consideramos logo este tema, para que possamos dar informação à população e mostrar que temos este serviço muito bem desenvolvido, através de pessoas altamente especializadas, nomeadamente na reabilitação”. Além disso, decorreu uma mega-aula de Pilates Clínico, que “é também um serviço de que dispomos, que serve sobretudo pessoas que tenham já alguma patologia, mas também para prevenir problemas”. A fechar a manhã, realizou-se uma hora aberta de Terapia da Fala e Terapia Ocupacional, que, explicou o coordenador da Valência de Saúde, “são duas formas de reabilitação menos conhecidas que a fisioterapia, mas que fazem uma boa complementaridade a tudo aquilo que é um tratamento global de que as pessoas possam necessitar”. Ricardo Vieira acrescentou ainda que “temos pessoas novas, temos pessoas que também já frequentam o Centro e, sobretudo, temos um espírito de união entre todos, entre colaboradores, pessoas que cá estão e outras que nunca tinham estado e é esse o espírito do Open Day”. No final, o balanço foi “extremamente positivo”. “Se é verdade que o clima não nos ajudou, independentemente disso, a afluência de pessoas superou todas as expectativas iniciais que tínhamos e, portanto, é um balanço extremamente positivo”, concluiu o Provedor da Misericórdia de Barcelos, Nuno Reis.   Misericórdia de Barcelos aposta na Saúde   “A Santa Casa da Misericórdia de Barcelos está a apostar no seu Polo de Saúde”. A garantia é deixada pelo Provedor da instituição, Nuno Reis, que, logo depois, explica: “A SCMB disponibiliza serviços na área da Medicina Física e de Reabilitação num horário alargado, à semana, até às 22h00, que está a ter cada vez mais procura por parte da população, e alargou também ao sábado a sua panóplia de atividades”. Mais novidades, de resto, podem surgiu em breve: “Esta nova edição do Open Day serve de ponto de partida para um conjunto de tratamentos complementares que, num futuro próximo, esperamos vir a prestar à população”.   [ALBUM:2]

Ver Mais

Equipamentos

centro-de-medicina-fisica-e-de-reabilitacao

Centro de Medicina Física e de Reabilitação

Rua Dr. Santos Júnior - Barcelos

saber Mais